O blog vai, na medida do possível, acompanhar os atos e protestos que estão ocorrendo no Brasil. Com um foco maior em São Paulo, Rio de Janeiro e Curitiba. 

ato-2013-06-16-curitiba

Amigas e amigos,

Por conta dessa treta do vinagre, tem muito site saindo fora do ar. Principalmente os que estão pautando as revoltas da tarifa, salada, por passe livre e tarifa zero.

Acredito ou melhor, espero acreditar que esses sites estão fora do ar por conta do excesso de acessos e que por conta disso ficaram off-line.

Para acessar esses sites, sugiro usar o webproxy: http://webproxy.stealthy.co/

Se você não pode participar do ato, segue umas dicas para colaborar com os ativistas que estão na rua:

  1. Abra o portão da sua casa para abrigar manifestantes encurralados pela PM. A ideia é proteger as pessoas de serem alvejadas pela pelas balas de borracha.
  2. Jogue pedaços de pano embebidos em vinagre ou água pela janela para ajudar as pessoas a minimizar os efeitos das bombas de gás lacrimogêneo.
  3. Ofereça água àqueles que passam pela sua porta.
  4. Se você é estudante de direito ou advogado e quer ajudar, pode se dirigir à delegacia para onde estão sendo levados os presos e oferecer consultoria gratuita. Ontem, 235 pessoas foram detidas.
  5. Qualquer cidadão pode pedir um habeas corpus, mas só um advogado pode pedir o relaxamento da prisão.
  6. Abrigue um jornalista no seu apartamento. Para a imprensa qualquer ângulo da manifestação é válido. Se você vê de cima, ele também pode ver.
  7. Em uma manifestação, abra espaço para a passagem de ambulâncias.
  8. O policial tem por dever identificar-se. Portanto, se você sofreu algum tipo de violência, identifique o policial e procure a corregedoria para fazer a denúncia. Não deixe de fazê-lo!
  9. Você também pode fazer um Boletim de Ocorrência desde que tenha provas e o nome do policial. Vale vídeo, foto, ou testemunhas que confirmem a sua versão dos fatos.
  10. Por fim, você que é estudante de medicina, médico ou enfermeiro, ofereça os primeiros socorros aos feridos, óbvio!

FONTE: http://entredoispontos.wordpress.com/2013/06/14/como-ajudar-um-manifestante